Pronto!

Para começar a desenvolver, acesse nossa documentação do desenvolvedor.

Ativar o serviço web da API do Google Places

Para começar, orientaremos você pelo Console do Desenvolvedor do Google para realizar algumas atividades:

  1. Criar ou selecionar um projeto
  2. Ativar o serviço web da API do Google Places
  3. Criar chaves apropriadas
Continuar

Obter uma chave para o Google Places API Web Service

O Google Places API Web Service usa uma chave de API para identificar seu aplicativo. Incluir uma chave na solicitação permite que você monitore o uso da API do seu aplicativo no Google API Console, ativa o acesso a uma cota diária gratuita generosa e garante que a Google possa entrar em contato sobre seu aplicativo, se necessário. Para saber mais, acesse a Ajuda do Google API Console.

  • Clientes da API padrão precisam de uma chave de API configurada em um projeto da sua escolha.
  • Clientes da Google Places API com uma licença do Premium Plan precisam de uma chave de API configurada no Projeto Google Maps Premium (o projeto criado para você ao pedir o Google Maps APIs Premium Plan). Se você ainda não adquiriu o acesso à API, entre em contato com o departamento de vendas.

Obter uma chave de API

Se você estiver usando o Google Places API Web Service padrão

Para começar a usar o Google Places API Web Service, clique no botão abaixo e acesse um guia do processo de ativação do Google Places API Web Service e de obtenção de uma chave de API.

Obter uma chave

Como alternativa, siga as etapas a seguir para obter uma chave de API:

  1. Acesse Google API Console.
  2. Crie ou selecione um projeto.
  3. Clique em Continue para ativar a API.
  4. Na página Credentials, obtenha uma chave de API (e defina as restrições dela).
    Observação: Se você já tem uma chave de API irrestrita ou uma com restrições a servidor, use-a.
  5. Para evitar roubo de cota, proteja a chave de API aplicando estas práticas recomendadas.
  6. (Opcional) Ative a cobrança. Consulte Limites de uso e cobrança para obter mais informações.

Não use essa chave fora do código do seu servidor. Por exemplo, não a deixe embutida em uma página da web ou em um aplicativo para dispositivos móveis.

Observação: A Google Places API Web Service não funciona com uma chave de API restrita para Android ou iOS.

Se você adquiriu o Google Maps APIs Premium Plan

Para começar a usar a Google Places API Web Service com o Google Maps APIs Premium Plan, clique no botão abaixo e acesse um guia do processo de obtenção de uma chave de API. Observação: Para acessar todos os benefícios do Premium Plan, incluindo limites de uso, no menu suspenso do projeto, selecione o projeto criado para você quando comprou o Google Maps APIs Premium Plan.*

Obter uma chave

Alternativamente, siga estes passos para obter uma chave de API para usar com o Premium Plan:

  1. Acesse Google API Console.
  2. No menu suspenso Project, selecione o projeto Google Maps Premium.*
  3. Clique em Continue.
  4. Na página Credentials, obtenha uma chave de API (e defina as restrições dela).
    Observação: Se você já tem uma chave de API irrestrita ou uma com restrições a servidor, use-a.
  5. Para evitar roubo de cota, proteja a chave de API aplicando estas práticas recomendadas.

Você também pode procurar uma chave que já existe no Google API Console.

Para saber mais sobre como usar o Google API Console, consulte a [Ajuda do API Console.

Tipos de restrição da chave de API

As Google Maps APIs estão disponíveis para aplicativos Android e iOS, navegadores e via serviços Web HTTP. APIs de qualquer plataforma podem usar uma chave de API genérica (irrestrita). Você tem a opção de adicionar uma restrição (por exemplo, endereço IP) à chave de API. Depois de aplicar a restrição, a chave só funcionará em plataformas compatíveis com esse tipo de restrição. Saiba mais sobre chaves e credenciais.

Especificar uma chave na solicitação

A chave deve ser passada com cada solicitação como o valor de um parâmetro key.

https://maps.googleapis.com/maps/api/place/nearbysearch/json
  ?location=-33.8670522,151.1957362
  &radius=500
  &types=food
  &name=harbour
  &key=YOUR_API_KEY

Solicitações feitas sem uma chave falharão.

Limitar endereços IP

Para impedir que outros aplicativos usem sua chave e consumam sua cota, você pode limitar os endereços IP que usam sua chave de API para enviar solicitações:

  1. Acesse Google API Console.
  2. Selecione o projeto que foi criado quando você se inscreveu.
  3. Na lista de chaves de API, selecione a chave que você está usando.
  4. Na seção Restrictions, selecione IP addresses (web servers, cron jobs, etc.).
  5. Em Accept requests from these server IP addresses, insira os endereços IP que podem usar a sua chave, um por linha. Você também pode inserir uma sub-rede usando notação CIDR (por exemplo, 192.168.0.0/22).

Essas etapas se aplicam para o Plano padrão e para o Plano premium. Para obter mais informações, consulte Preços e planos.

Enviar comentários sobre…

location_on
Google Places API Web Service