Evitar redirecionamentos da página de destino

Esta regra é acionada quando o PageSpeed Insights detecta que você tem mais de um redirecionamento do URL fornecido à página de destino final.

Visão geral

Como os redirecionamentos desencadeiam um ciclo adicional de solicitação-resposta HTTP e adicionam tempo de latência no envio de dados, é importante minimizar o número de redirecionamentos emitidos pelo seu aplicativo. Ao evitar redirecionamentos HTTP, você reduz a quantidade de tempo que um usuário precisa aguardar até o carregamento de uma página. Sugerimos que você planeje cuidadosamente o design do site para descobrir onde pode melhorar o desempenho.

Aqui estão alguns exemplos de bons e maus padrões de redirecionamento:

  • Excelente: example.com usa um design de Web ágil, sem a necessidade de redirecionamentos
  • Razoável: example.com -> m.example.com/home
  • Ruim: example.com -> www.example.com -> m.example.com -> m.example.com / home

Recomendações

Ao seguir a recomendação do Google de usar o design de Web ágil, o site naturalmente evita redirecionamentos.

Caso seu site realmente precise de redirecionamentos, será preciso que você faça o seguinte:
  • Use um redirecionamento de HTTP para enviar os usuários com user agents de dispositivos móveis diretamente ao URL de dispositivo móvel equivalente sem redirecionamentos intermediários e
  • Inclua a marcação &ltlink rel="alternate"&gt em suas páginas de computador para identificar o URL de dispositivo móvel equivalente, permitindo assim que o Googlebot localize suas páginas para dispositivo móvel.