Controlar os links de títulos nos resultados da pesquisa

Um link de título é o título de um resultado da Pesquisa Google e de outros Serviços (por exemplo, Google Notícias) que direciona à página da Web. O Google usa várias origens diferentes para determinar automaticamente o link de título, mas você pode indicar suas preferências seguindo nossas práticas recomendadas para influenciar links de título.

Um link de título em um resultado da Web na Pesquisa Google

Práticas recomendadas para influenciar links de título

Os links de títulos são fundamentais para dar aos usuários uma noção rápida do conteúdo de um resultado e, por isso, são relevantes para a consulta. Muitas vezes, é a informação principal que as pessoas usam para decidir em qual resultado clicar. Portanto, é importante o uso de links de títulos de alta qualidade em suas páginas da Web.

  • Verifique se cada página do seu site tem um título especificado no elemento <title>.
  • Escreva um texto descritivo e conciso para seus elementos <title>. Evite descritores vagos como "Início" para sua página inicial ou "Perfil" para o perfil de uma pessoa específica. Além disso, evite texto desnecessariamente longo ou detalhado nos elementos <title>, porque ele provavelmente será truncado quando aparecer nos resultados da pesquisa.
  • Evite o excesso de palavras-chave. Às vezes, é útil ter alguns termos descritivos no elemento <title>, mas não há razão para ter as mesmas palavras ou frases aparecendo várias vezes. Um título como "Foobar, foo bar, foobars, foo bars" não ajuda os usuários, e esse excesso de palavras-chave pode fazer com que os resultados pareçam spam para eles e para o Google.
  • Evite texto repetido ou padronizado em elementos <title>. É importante ter um texto descritivo diferente no elemento <title> para cada página do seu site. Acrescentar títulos para cada página em um site de comércio como "Produtos baratos à venda", por exemplo, torna impossível para os usuários distinguir entre duas páginas. Texto longo no elemento <title> que varia apenas por uma informação (títulos boilerplate) também não é recomendável. Por exemplo, um elemento <title> comum para todas as páginas com o texto "Nome da banda: veja vídeos, letras, pôsteres, álbuns, avaliações e shows" não é muito informativo.

    Uma solução é atualizar de maneira dinâmica o elemento <title> para refletir melhor o conteúdo real da página. Por exemplo, inclua as palavras "vídeo", "letras" etc. somente se a página tiver esse conteúdo. Outra opção é usar apenas o nome da banda como um texto conciso no elemento <title> e definir o conteúdo da página na metadescrição.

  • Use sua marca nos títulos de maneira concisa. O elemento <title> da página inicial do site é um bom lugar para incluir algumas informações adicionais sobre ele. Por exemplo:
    <title>ExampleSocialSite, um local onde as pessoas podem se encontrar e socializar</title>
    No entanto, exibir esse texto no elemento <title> de cada página do site vai ser repetitivo se várias delas aparecerem nos resultados da mesma consulta. Nesse caso, uma boa ideia é incluir somente o nome do site no início ou no final de cada elemento <title>, separado do resto por um delimitador, como um hífen, dois-pontos ou barra vertical. Veja este exemplo:
    <title>ExampleSocialSite: crie uma nova conta.</title>
  • Deixe claro qual é o título principal da página. O Google analisa várias origens ao criar links de título, incluindo o título visual principal, os elementos principais e outros textos grandes e em destaque, e pode ser confuso se vários títulos tiverem o mesmo peso visual e destaque. O título principal precisa ser diferente do resto do texto da página e se destacar como o mais proeminente. Por exemplo, use uma fonte maior, coloque o título no primeiro elemento <h1> visível na página etc.
  • Tenha cuidado ao não permitir que mecanismos de pesquisa rastreiem suas páginas. Usar o protocolo robots.txt no site pode fazer com que o Google pare de rastrear as páginas, mas nem sempre impede que elas sejam indexadas. Por exemplo, o Google poderá indexar sua página se a descobrirmos seguindo um link do site de outra pessoa. Se não tivermos acesso ao conteúdo da sua página, dependeremos de material que não seja dela para gerar o link de título, como o texto âncora de outros sites. Para impedir que um URL seja indexado, use a diretiva noindex .
  • As páginas precisam ter os mesmos script e idioma do conteúdo principal. O Google tenta exibir um link de título com essas mesmas características que a página. Se um elemento <title> não tiver o mesmo script ou idioma que o conteúdo principal da página, outro texto vai ser escolhido como o link de título.

A geração de links de títulos na página de resultados da pesquisa do Google é totalmente automatizada e considera tanto o conteúdo da página quanto as referências que aparecem na Web sobre ela. O objetivo do link de título é representar e descrever da melhor maneira possível cada resultado.

A Pesquisa Google usa as seguintes fontes para determinar automaticamente os links de títulos:

  • Conteúdo em elementos <title>
  • Título visual principal exibido na página
  • Elementos de cabeçalho, como <h1>
  • Outro conteúdo grande e em destaque com o uso de tratamentos de estilo
  • Outro texto contido na página
  • Texto âncora na página
  • Texto dentro de links que direcionam para a página

Lembre-se de que o Google precisa rastrear e processar novamente a página para detectar as atualizações nessas fontes, o que pode levar alguns dias ou semanas. Se você fez alterações, pode solicitar que o Google rastreie suas páginas novamente.

Não podemos mudar manualmente os links de título de sites específicos, mas fazemos o possível para que eles tenham o máximo de relevância. Melhore a qualidade do link de título exibido para sua página seguindo as práticas recomendadas.

Como solucionar problemas comuns

Veja a seguir os problemas mais comuns relacionados a links de título nos resultados da pesquisa. Para evitar que eles aconteçam, siga as práticas recomendadas para controlar links de títulos.

Problemas comuns

Elementos <title> incompletos

Ocorre quando parte do texto do título está ausente. Exemplo:

<title>| Nome do site</title>

A Pesquisa Google analisa informações de elementos de cabeçalho ou outros textos grandes e em destaque na página para gerar um link de título:

Nome do produto | Nome do site

Elementos <title> obsoletos

Quando a mesma página é usada ano após ano para informações recorrentes, mas o elemento <title> não é atualizado para refletir a data mais recente. Exemplo:

<title>Critérios de admissão 2020 – Universidade Incrível</title>

Neste exemplo, a página tem um título grande e visível que diz "Critérios de admissão 2021", e o elemento <title> não foi atualizado para a data atual. A Pesquisa Google talvez detecte essa inconsistência e use a data certa do título visível na página no link de título:

Critérios de admissão 2021 – Universidade Incrível

Elementos <title> imprecisos

Ocorre quando os elementos <title> não refletem com precisão o conteúdo da página. Por exemplo, a página pode ter conteúdo dinâmico com o seguinte elemento <title>:

<title>Animais de brinquedo gigantes, ursos de pelúcia, ursos polares – Nome do site</title>

A Pesquisa Google tenta determinar se o elemento <title> não está mostrando com precisão o assunto de uma página. A Pesquisa Google pode modificar o link de título para ajudar melhor os usuários, caso determine que o título da página não reflete o conteúdo. Exemplo:

Bichinhos de pelúcia – Nome do site

Texto micropadronizado em elementos <title>

Ocorre quando há texto padronizado repetido em elementos <title> para um subconjunto de páginas de um site. Por exemplo, um site de televisão tem várias páginas que compartilham o mesmo elemento <title> que omite os números de temporada. Portanto, não fica claro qual página corresponde a cada temporada. Isso gera elementos <title> duplicados como estes:

<title>Meu programa de TV Incrível</title>
<title>Meu programa de TV Incrível</title>
<title>Meu programa de TV Incrível</title>

A Pesquisa Google pode detectar o número da temporada usado em textos grandes e em destaque e inserir essa informação no link do título:

Temporada 1: Meu programa de TV Incrível
Temporada 2: Meu programa de TV Incrível
Temporada 3: Meu programa de TV Incrível

Não há um título principal claro

Quando há mais de um título grande e em destaque e não está claro qual texto é o título principal da página. Por exemplo, uma página tem dois ou mais títulos que usam o mesmo estilo ou nível do cabeçalho. Se a Pesquisa Google detectar que há vários títulos grandes e proeminentes, ela talvez use o primeiro título como texto do link de título. O título principal precisa ser diferente do resto do texto da página e se destacar como o mais proeminente. Por exemplo, use uma fonte maior, coloque o título no primeiro elemento <h1> visível na página etc.

Incompatibilidade de script ou idioma usado nos elementos <title>

Quando o script ou o idioma do texto nos elementos <title> não é o mesmo do texto principal de uma página. Por exemplo, quando uma página é escrita em híndi, mas o título inclui texto em inglês ou é transliterado para caracteres latinos. Se o Google detecta uma incompatibilidade, ele pode gerar um link de título que tenha mais a ver com o conteúdo principal. Confira se o script e o idioma são os mesmos dos elementos de mais destaque na página.

Se as páginas estiverem aparecendo nos resultados da pesquisa com links de título modificados, confira se elas têm algum dos problemas que o Google pode resolver. Se não, veja se o link exibido nos resultados da pesquisa é uma opção melhor para a consulta. Se ainda preferir o título original, fale com nossa equipe na Comunidade de Ajuda da Central da Pesquisa Google.