Limpeza de primavera: Ferramenta de parâmetros de URL

Segunda-feira, 28 de março de 2022

Em resumo: a Ferramenta de parâmetros de URL no Search Console será descontinuada em um mês. Nenhuma ação é necessária por parte dos usuários atuais da ferramenta.

Captura de tela da Ferramenta de parâmetros de URL no lançamento
Ferramenta de parâmetros de URL em 2009

Quando a Ferramenta de parâmetros de URL foi lançada, em 2009, nas Ferramentas do Google para webmasters (a antecessora do Search Console), a Internet era um ambiente muito mais complicado do que hoje. Os parâmetros SessionID eram muito comuns, os CMSs tinham problemas para organizar parâmetros e os navegadores corrompiam links frequentemente. Com a Ferramenta de parâmetros de URL, os proprietários de sites tinham controle granular sobre como o Google rastreava o site especificando como determinados parâmetros afetam o conteúdo.

Com o passar dos anos, o Google melhorou muito em avaliar quais parâmetros são úteis em um site e quais não são. Na verdade, somente cerca de 1% das configurações de parâmetros atualmente especificadas na Ferramenta de parâmetros de URL são úteis para o rastreamento. Devido ao baixo valor da ferramenta para usuários do Google e do Search Console, a Ferramenta de parâmetros de URL será descontinuada em um mês.

A partir de agora, não será necessário fazer nada para especificar a função dos parâmetros de URL no seu site. Os rastreadores do Google aprenderão a processar os parâmetros de URL automaticamente.

Se você precisar de mais controle, use as regras do robots.txt (por exemplo, especifique as ordens de parâmetros em uma diretiva allow) ou use hreflang para especificar variações de idioma do conteúdo.

Caso você tenha dúvidas ou comentários, acesse o Twitter.